Notícias

27 de agosto de 2018

Promovendo o Bendizer

O Mês Agostiniano nos convida a estreitar os laços de pertença institucional e o conhecimento das "raízes" e valores que nos movem como membros de uma escola agostiniana. Nosso desejo foi proporcionar um mês que fale ao coração.

Expressar gratidão, alegria, reconhecimento pelo trabalho que desenvolvemos e junto às pessoas que são parte dessa escola é algo muito bom! Assim, dentro das atividades do mês, promovemos as hashtags #bendizer #MêsAgostiniano #csacontagem com registros fotográficos e depoimentos que despertem o “dizer bem” junto ao nosso público.

“Dizer bem” a respeito dos seus alunos, colegas, ambientes de trabalho, projetos e atividades, conhecendo e reconhecendo a qualidade do seu trabalho e o dos demais, e da qualidade da escola agostiniana.

Confira abaixo os depoimentos do #bendizer.

Sr-Anelito-e-Geraldo.jpg

Anelito...o Dito!!! É seu tratamento na Comunidade Agostiniana Barreiro de Cima. Dito de coração, Dito de acolhimento, Dito de Carinho e Dito de Exemplos, Exemplo BenDito. Geraldo Viana – Gestor Administrativo-Financeiro

 

Analistas.jpg

Ser Analista nos tem tornados mais amigos, mais humanos e mais sensíveis quanto as questões do dia a dia do pedagógico. A boa relação, o sentimento de autoajuda nos proporciona o fortalecimento necessário para seguirmos em nossa missão na formação de nossos alunos. Companheiros do Bendizer! Márcio Rocha - Analista Educacional do 9ºano

Lais-Bittencourt.jpg

“O Thiago é minha alma gêmea, mas não no sentido que as pessoas pensam. Convivemos há vários anos e tudo começou dentro deste Colégio. Agora que estamos formando, é muito bom ver que continuamos amigos e que, mais do que um colega de classe, aqui eu ganhei um irmão.” Laís Bitencourt – 3ª série A

“Sou amigo da Laís há 7 anos e, durante todo esse período, construímos um relacionamento baseado na lealdade e confiança. Ter um amigo de longa data é compartilhar grandes momentos da vida, é dividir conquistas, dificuldades e sentimentos, é envelhecer mas nunca deixar de ser criança. Amizade é isso, saber o que o amigo sente sem ao menos dizer uma palavra.” Thiago Izac – 3ª série A

Illan-e-Eliene.jpg

Esta foi aluna, madrinha de JISA, colega e, agora, amiga! Estou achando que nossa história vem de outras vidas! Illan Miranda – Prof. de Língua Portuguesa

Gabriel-e-namorada.jpg

“Uma das maiores sortes na vida é encontrar alguém que seja o seu porto seguro, e eu sou tão grata por você ser o meu! Talvez você não saiba, mas cada abraço, cada conversa, cada piada, cada filme juntos, fez com que você aos poucos ganhasse um lugar no meu coração. Hoje, com um simples oi você já sabe como me sinto, com um simples abraço você já sabe se meu dia foi bom ou não. Quando paro pra pensar, desde 2016, são pequenos detalhes que foram nos aproximando, e hoje eles fazem toda a diferença na minha vida. Impossível olhar pra nossa amizade e pensar que nos conhecemos há 2 anos, parece que nos conhecemos há tantos anos pela harmonia que temos de conhecer o outro tão bem que chega até a assustar, de poder falar sobre sonhos e medos e saber que teremos o apoio um do outro. A essência que você carrega de ser curioso, sonhador, amoroso, determinado, parceria, faz com que você seja essa pessoa tão maravilhosa que tenho o orgulho de chamar de meu melhor amigo, meu porto seguro e meu namorado.” Sophia Mesquita – 3ª série C

“Desde o momento em que trocamos as primeiras palavras, entrei em um processo incrível de entender e viver o verdadeiro significado de amizade plena. Com Sophia Mesquita troquei as primeiras brincadeiras, as primeiras conversas, contávamos histórias, opiniões e, em um ambiente totalmente novo, me senti abraçado por uma amizade que me confortava. (Com você, Soso, eu já tinha pulado de cabeça nessa amizade e te contava e escutava as angústias, visões de mundo e buscava todos os dias te fazer sorrir pelo simples fato que você ali já era muito importante para mim e já sabia que não ia sair da minha vida tão fácil.) Com Soso eu ri MUITO, fui muito feliz, fiz besteira junto e também já fui xingando por ela por fazer besteiras (Você mais uma vez mostrando a sua preocupação desde sempre; chorei no seu ombro e posso afirmar: não tem ombro mais aconchegante; e também já te recebi no meu peito algumas vezes quando o mundo te fazia mal). Por Soso um sentimento inexplicável aconteceu: me preocupava como um irmão e sentia necessidade todos os dias de ao menos ficar um tempo ao seu lado. E hoje chegamos a um patamar de amizade no qual desejo desvendar a imensidão que são os seus pensamentos, quero saber dos sonhos e estar ao lado dela para cada um deles, quero fazê-la feliz da mesma maneira que ela me faz feliz, da mesma maneira que ela escuta as minhas angústias, medos e com um simples abraço tudo se acalma. Quero todos os dias lhe dizer como foi o dia e saber a opinião da pessoa que hoje tenho a alegria de chamar de Namorada. Tenho uma amiga para as batalhas da vida, sei que para qualquer coisa vamos estar juntos contra o mundo e todos os desafios que ele apresenta, porque isso que é ser amigo, isso é a nossa amizade . Sou muito grato por ter como amiga Sophia, Soso e Amor, uma amizade que é base fundante e permanente para o nosso namoro e que com toda a certeza foi algo que mudou a minha vida.” Gabriel Dias – 3ª série A

Allan-Almada.jpg

“Acredito que a escola é parte importante da minha vida, não só por ser fonte de estudo, mas também pelas relações que pude cultivar por aqui. Meu sentimento pelo Colégio Santo Agostinho é de profunda gratidão, pois meus melhores amigos estão comigo nesta jornada e tenho plena consciência de que amizades verdadeiras transcendem o tempo e a distância, e nos acompanham para a vida inteira. Minhas amizades por aqui são os frutos que colhi em um colégio que me mostrou o valor das outras pessoas para mim.” Allan Almada – 2ª série A

Antonia-e-Leo-3-.jpg

“Parceria que deu certo. Chegou ontem, mas parece que já nos conhecemos há anos. Mesmos sonhos, mesmos ideais! Leo, quero bem dizer sua amizade e presença na formação dos grupos de voluntariado. Obrigada pelo carinho e disponibilidade!” Antonia Malta – Agente de Pastoral

"Antonia, quero bem dizer nossa amizade, que se deu de forma tão espontânea e já tem tanta confiança e parceria! Sou grato por te conhecer, pela acolhida, pela disposição e pela força no dia a dia!" Leonardo Caldeira – Prof. de Sociologia

Stefanie-e-Hudson.jpg

“Começar a fazer voluntariado pra mim foi uma experiência incrível, por isso chamei o Edson pra fazer comigo. Foi algo que aproximou muito a gente, porque era diferente e fazia um bem inexplicável, na medida em que fomos crescendo com as crianças da Cepa, ou nos frustrando também. Isso criou um laço afetivo muito grande entre nós, porque todas as experiências, a gente vivia e sentia juntos, não só como um casal, mas como parceiros de trabalho, uma relação que eu nunca havia sentido antes em relação a ele.” Stéfanie Morais – 3ª série A

“Desde que a Stefanie me chamou pra voltar ao voluntariado, passamos por situações em que precisávamos sempre um do outro, o que acabou nos aproximando mais ainda. A Cepa, além de um grande espaço de aprendizagem para todos, é um lugar para se descontrair também e cada momento vivido lá com todos os que participam do projeto e principalmente com ela é único, sempre acrescenta muito à nossa relação e sempre nos traz uma ótima sensação de trabalho cumprido e uma vontade de continuar trabalhando juntos. Sem a Cepa, não teria tão facilmente a visão de como é importante ter a companhia dela.” Edson Reis – 3ª série B

Mariana-Botarro-e-Kadu-Almeida.jpg

A amizade se constrói tendo como base a cumplicidade, a sinceridade, o respeito e a afinidade. Tudo isso existe entre nós. Somos números e letras que se combinam e emanam amor. Que nossa amizade perdure para todo sempre! Que sejamos eternos: “MariDu”❤. Carlos Eduardo – Prof. de Matemática - e Mariana Botarro – Prof. de Língua Portuguesa e Produção de Textos

La-s-Cunha-3-s-rie-B-e-Beatriz-do-Carmo-3-s-rie-A-2-.jpg

“A amizade é o refúgio do inconsciente, é onde podemos nos mostrar por inteiro, com nossas qualidades e também nossos defeitos. É a pessoa na qual depositamos expectativas, compartilhamos sonhos e experimentamos o altruísmo. Com a Bia eu me sinto à vontade para compartilhar tudo isso. Nós nos conhecemos a partir de uma necessidade de refúgio e nos tornamos esse refúgio uma da outra. Contudo, agora isso acontece pelo querer, e não mais apenas pelo precisar. A essência da Bia em minha vida é de suma relevância e a sua amizade é uma das coisas que mais prezo em minha vida. Deus nos fez amigas e, se Ele permitir, continuaremos sendo sempre amigas! Obrigada por sua cumplicidade, alegria, por ser quem é. Amo muito você!” Laís Cunha – 3ª série B

“Eu conheci a Laís Michele no momento em que mais precisava de uma AMIGA, uma pessoa companheira, que me entendesse, que tivesse valores semelhantes aos meus, com quem me sinto à vontade e confio, meu porto seguro, enfim! Encontrei tudo isso e mais em nossa amizade, construída e fortalecida na fé. Pude conhecer mais a história linda dessa menina de apenas 17 anos que já superou tantas dificuldades e provações, sem perder seu sorriso, sua luz e alegria. Sua essência caridosa e sempre preocupada com todos. Pra mim, ela é e sempre será grande exemplo de força e fé. Sou muito grata ao Papai do Céu por ter alguém tão especial ao meu lado. Te amo muito!” Beatriz do Carmo – 3ª série A

Diego-Barros-Belo-1-s-rie-C.jpg

“Minha amizade com a Laura Brandão nasceu neste ano, mas às vezes parece que nos conhecemos há muito tempo. Nossa amizade tem funcionado de uma maneira muito construtiva, na qual confiamos muito um no outro e nos apoiamos emocionalmente frente aos nossos conflitos “ensinomedianos”. Estamos sempre lá, um pelo outro, nas horas boas e ruins, nos ajudando com insumos que variam de comida a conselhos coloridos. É uma amizade linda que eu espero que dure para sempre.” Diego Barros Belo – 1ª série C

Fernanda-Amaral-1-s-rie-B-2-.jpg

“Nos tornamos amigas há 3 anos, graças ao Colégio Santo Agostinho. Vocês me ajudam, apoiam e me fazem feliz. Quando entramos para o voluntariado, nossa amizade se fortaleceu ainda mais. Espero ter vocês ao meu lado para sempre. Amo vocês!” Fernanda Amaral – 1ª série B

Henrique-Assun-o-2-s-rie-B-2-.jpg

"Lud, você foi uma das primeiras colegas que eu conheci na escola, quando ainda era novato. Desde então, a gente já se divertiu muito (e passamos aperto também, né?)! Foi muito bom me aproximar de você e fazer todos os projetos e passeios juntos. Obrigado por todos os momentos e pela sua amizade. Te adoro!" Henrique Assunção – 2ª série B

Compartilhe