Notícias

19 de abril de 2021

Projeto interdisciplinar proporciona construção de um Coliseu Romano no Minecraft Education

Em um projeto interdisciplinar com as disciplinas de História e Educação Física, os estudantes da 1ª série do Ensino Médio reuniram os conhecimentos adquiridos sobre Luta, a Cidade de Roma e a importância do Coliseu, para desenvolverem uma arena utilizando o Minecraft Education.

Nas aulas de Educação Física, eles estudaram as Lutas e seus significados em uma trajetória histórica por sobrevivência na Pré-história, por esportividade e por espetacularização nos dias de hoje.

Já nas aulas de História, os estudantes foram convidados a refletir sobre o mundo romano a partir dos jogos de gladiadores e do Anfiteatro Flávio, conhecido como Coliseu. Na atividade, eles puderam avaliar a presença da cultura romana no universo Star Wars, na música POP e nos quadrinhos e cinema Marvel. 

O objetivo maior na aula de História foi promover análise de documentos históricos e do conceito de cidadania e de democracia dos antigos, sempre em comparação com o presente. “Os estudantes puderam qualificar e problematizar seu entendimento a respeito de relações de poderes que se apresentam no mundo em diversas arenas em que os humanos se fazem presentes”,analisa Décius Moreira, professor de História.

Em paralelo, os estudantes puderam simular lutas de gladiadores, por meio do Minecraft Education, em atividade conduzida pelos professores de Educação Física. “Na ideia de proporcionar aos estudantes em meio remoto uma prática parecida com o que a gente fazia no presencial, tivemos a ideia de utilizar o Minecraft Education para simular uma luta de gladiadores dentro do Coliseu”, conta Leonardo Nunes, professor e coordenador do Departamento de Educação Física (DEF).

A ideia surgiu dos professores de Educação Física, mas a execução, planejamento, caracterização e programação de comandos foram todos realizados por um grupo de estudantes da 1ª série que, de forma voluntária, se propuseram a construir a atividade.

“Demos a ideia para eles e eles construíram, a partir de mapa já existente, toda a logística do jogo. Pensaram na divisão de equipes, como poderia ser essa luta dentro do Coliseu, quais as regras que valeriam e não valeriam e disponibilização de instrumentos para luta. Eles construíram toda a logística da aula a partir de uma ideia dos professores, mas quem deu vida a essa prática foram os estudantes”, afirma o coordenador do DEF.

Após finalização do projeto interdisciplinar, os professores utilizaram a Plataforma Camp.us, ambiente virtual de ensino do Colégio Santo Agostinho, para avaliar junto com os estudantes a experiência com o Minecraft. Segundo Eduardo Bregunci, professor de Educação Física, a maioria dos estudantes da 1ª série relataram ter tido uma boa experiência com a plataforma, afirmando que esse tipo de atividade saiu da rotina de aula on-line, sendo uma atividade diversificada, aproveitando o conteúdo a partir de uma prática.

De acordo com a estudante Giulia Silva, da 1ª série A, ter uma experiência como a que tiveram nas aulas de Educação Física é algo muito gratificante. Usar ferramentas como um jogo para ensinar aos alunos o conteúdo é ao mesmo tempo intrigante, divertido e revolucionário. “Participar desse projeto e da construção do ambiente onde as práticas virtuais aconteceram foi muito prazeroso e proveitoso, não só para mim como para todos os meus colegas. Dava para perceber como todo mundo estava mais ativo e participativo nas aulas com propostas tão diferentes quanto essas. Com toda certeza esse método de ensinar e tentar estar mais perto, quando temos que ficar longe, é incrível e pode ser muito bem explorado.”

“Adorei trabalhar nos projetos das aulas, a produção foi extremamente divertida, o feedback de todos nas turmas foi positivo e as vivências foram novas e divertidas”, reafirma Caio Ferreira, da 1ª série B.

Química nos esportes – o uso de doping na Roma antiga

Aproveitando o projeto interdisciplinar com as disciplinas de História e Educação Física, foi proposto que os estudantes da 1ª série do Ensino Médio utilizassem o mesmo mapa construído no Minecraft para a realização de um trabalho de Química.

Intitulado “Química nos esportes – o uso de doping na Roma antiga”, os estudantes pesquisaram quais substâncias eram usadas como doping no mundo romano e formularam suas moléculas na plataforma. Uma forma de discutir o conteúdo de substância composta de forma lúdica!

No dia da apresentação, a 1ª série mostrou os vídeos que fizeram enquanto estavam formulando diferentes substâncias, como demonstrado nas figuras abaixo:

IMG01.pngIMG02.png

IMG03.pngIMG04.png

IMG05.pngIMG06.png

Os professores de Educação Física, Leonardo Nunes e Eduardo Bregunci, e a professora de Química, Cíntia Gonçalves, aproveitaram a apresentação para explicar sobre as substâncias utilizadas como doping na atualidade, sua atuação no organismo e seu uso nos esportes.

Compartilhe